Qual é a principal causa de estresse na sua empresa?

Uma pesquisa realizada pela empresa de gestão de projetos Wrike, com mais de 1.400 profissionais ao redor do mundo, revelou as principais causas de estresse no ambiente de trabalho.

Veja quais são no quadro abaixo,publicado em uma matéria recente da revista on-line Exame.com:

 

Causa do estresse Porcentagem dos entrevistados
1. Desencontro de informações 52%
2. Problemas com prioridade de tarefas 51%
3. Metas irreais 49%
4. Mudanças de prazos 47%
5. Liderança confusa 44%
6. Atribuição de tarefas pouco claras 44%
7. Distorção de funções 43%
8. Falta de colaboração e coordenação 42%
9. Falta de força de vontade da equipe 37%
10. Pouco envolvimento de patrocinadores 28%
11. Incerteza sobre o próprio papel no projeto 24%

Como podemos perceber, praticamente todos esses males possuem alguma ligação com a liderança. Ou estão relacionados às atitudes do líder em si ou às consequências acarretadas por elas.

A posição de liderança, independentemente do nível e/ou hierarquia, exerce grande influência no desempenho de uma equipe e, consequentemente, de toda a organização.

Porém, nem sempre as pessoas que ocupam esses cargos estão verdadeiramente preparadas para isso. Cedo ou tarde, esse despreparo acaba ecoando pela organização e resulta justamente nos fatores que mais geram estresse.

Se um líder não tem as noções básicas da autoliderança e do autoconhecimento, como ele pode liderar os outros? Se ele não tem habilidades de comunicação bem desenvolvidas, como pode passar informações claras e precisas? Se não tem conhecimento necessário para fazer um bom planejamento, estipular metas e definir prioridades, como ele vai estimular a equipe a fazer isso? Como vai engajar seus liderados?
Para nós da PS Treinamento Empresarial, a liderança é a alma e a chave do sucesso de toda organização. Os lideres têm o poder de desenvolver melhores colaboradores e conquistar um ótimo desempenho de forma perene; como também podem minar talentos e potenciais que estejam perto deles.

RH – principal aliado para o desenvolvimento da liderança

O RH tem um papel fundamental nesse contexto. A área precisa identificar quais são os gaps de liderança e o que pode ser feito para trabalhá-los. Talvez seja preciso criar um ou rever o atual programa de desenvolvimento de liderança adotado pela empresa, buscando conscientizar os líderes do real impacto que exercem, não só nos resultados da organização, mas na qualidade de vida de todos aqueles que são impactados pelo seu jeito de atuar e pelas suas decisões.