Antes de falarmos sobre liderança na era digital, vamos entender do que se trata e quando começou esse cenário de transformação de que tanto estão falando.

Foi em meados do século XX que a transformação digital deu os seus primeiros passos. Hoje, alguns anos depois, a era digital impacta praticamente todas as organizações e vidas das pessoas que conhecemos.

Ok, vamos deixar isso um pouco mais perto da nossa realidade. Pare e pense sobre os fluxos de informação que acontecem no ambiente de trabalho e na sua vida particular. Como você se comunica com a sua equipe e com a sua família? A tecnologia faz parte desse processo? Provavelmente você deve encontrar processos digitais em alguns momentos do seu dia e isso reflete diretamente na forma em como nós atuamos e nas habilidades que serão desenvolvidas daqui para a frente.

A Era Digital e o Mundo do Trabalho: ansiedade e disrupção

Insegurança sobre o futuro do trabalho. Acreditamos que isso resuma muito sobre como nos sentimos ao pensar na era digital no cenário do mundo do trabalho. De um lado, inovação aliada a um amplo leque de novas possibilidade de negócio e, de outro, os medos e ansiedades que são gerados ao pensarmos no fator humano.

A era digital (ou transformação digital) modificou e segue modificando a estrutura dos negócios, o nosso dia a dia, a forma como nos comunicamos, trabalhamos e tomamos decisões. Isso se chama disrupção e é nesse cenário que falar sobre a importância de uma liderança digital se torna algo importante.

Afinal, quais são as competências de um líder digital?

É importante que as lideranças das organizações estejam atentas ao que a transformação digital exige de suas equipes e de si mesmos. Sabemos que, muitas vezes, se torna um pouco difícil desprender-se de certo paradigmas e metodologias que já eram seguidas há tanto tempo e que, de certa forma, se mostravam eficientes.

Agora que já entendemos um pouco desse cenário. Seguem algumas dicas do que qualificamos como habilidades mais importantes para líderes que querem estar atualizados ao momento atual:

#1 Não se prender a automatismos.

Rotina corrida e agenda lotada. Sabemos que essa é a realidade do dia a dia de lideranças e ligar o piloto automático para algumas atividades se torna, muitas vezes, um apoio na rotina. No entanto, em alguns momento isso pode gerar decisões tomadas sem consciência, sem contar que, no piloto automático, não conseguimos conversar (principalmente ouvir) de forma ativa, podendo ignorar ou responder inadequadamente colegas e colaboradores. Diminua a centralização, quando possível, avalie reuniões – que às vezes podem ser e-mails -, e pare para respirar antes de iniciar a próxima tarefa.

#2 Olhar sempre para o futuro.

Não há como falar sobre transformação digital, tecnologia e não impor um posicionamento que reflita para o futuro. O líder digital deve voltar-se para decisões pensadas sempre à frente.

#3 Desenvolver o autoconhecimento.

Esse é o fator mais importante para a liderança digital. As lideranças precisam conhecer a si mesmas para poder encarar o desafio de liderar pessoas e equipes. Entender as próprias necessidades e anseios, melhora a relação para consigo e para com o outro. A inteligência emocional se torna decisiva na era da transformação digital.

#4 Saber gerenciar as ansiedades e medos, tanto as próprias como da equipe.

É a partir do autoconhecimento, então, que as lideranças poderão conseguir gerenciar e refletir sobre o sentimento de quem está ao seu lado. Como já falamos, ansiedades e medos fazem parte da era digital e é importante que o líder saiba fazer esse gerenciamento para que proporcione uma melhor qualidade de vida e de trabalho para todos em sua equipe. Expandir a empatia na sua organização é algo importante nesse momento.

#5 Atentar-se para as novidades que as novas gerações trazem para o ambiente de trabalho.

As novas gerações aprenderam a desenvolver suas habilidades das mais variadas formas. Cresceram aliados às novas tecnologias e possuem uma mentalidade, muitas vezes, mais aberta a um cenário de mudanças. É importante que o líder digital fique atento e absorva as novidades que colaboradores jovens podem trazer para o ambiente de trabalho. Ensinar e também aprender, isso é o que faz a diferença para lideranças que querem adaptar-se aos novos tempos.

Quer saber mais sobre liderança digital? Fique atento aos nossos próximos conteúdos.